terça-feira , 21 maio 2019

Nokia comenta os rumores de que a empresa estaria planejando a voltar a fabricar smartphones

Desde que vendeu sua divisão de celulares para a Microsoft, circulam rumores de que a Nokia planeja uma forma de voltar para este mercado em que atuou durante 14 anos.

Hoje a empresa emitiu um comunicado (leia aqui) esclarecendo quais são as reais possibilidades da empresa retornar a este setor.

Os finlandeses fazem questão de deixar claro que o foco atual da empresa está nas áreas de infraestrutura de redes, mapas, desenvolvimento e licenciamento de novas tecnologias.

Falando especificamente sobre smartphones, a Nokia cogita apenas licenciar sua marca para outros fabricantes. O primeiro projeto nessa linha foi o tablet N1, produto que apenas leva o nome Nokia, mas é fabricado e distribuído pela Foxconn.

Neste modelo, a Nokia apenas certifica os equipamentos de acordo com os seus padrões de qualidade, e fornece sua marca para a empresa em questão.

Um ponto importante é que em função de questões contratuais com a Microsoft, a Nokia não pode colocar o seu nome em nenhum smartphone antes do último trimestre de 2016.

É importante entendermos que todo o know-how de hardware, assim como os recursos avançados de software que criaram a tecnologia PureView entre outras, estão hoje na Microsoft. Portanto, se um dia voltarmos a ver um celular Nokia nas prateleiras, é possível que ele não tenha nada a ver com o que estamos acostumados.

Na minha opinião, a Microsoft cometeu um erro primário não fechando esse acordo de licenciamento da marca Nokia para smartphones na época da aquisição da empresa. Isto até poderia ser feito hoje, porém diante dos últimos acontecimentos, a possibilidade da Microsoft fazer um movimento como este pode ser considerada nula.

Um cenário mais radical, seria olharmos para daqui dois ou três anos e imaginarmos uma situação catastrófica, onde os Lumias realmente não tenham dado certo e a Microsoft decida vender a divisão de celulares, como o Google fez com a Motorola. Neste caso, quem sabe a Nokia compre o negócio de volta (pagando bem menos é claro). Eu posso até estar viajando aqui, mas esse mundo dá tantas voltas que não duvido de nada.

About igorlt

Twitteiro compulsivo formado em Rádio & TV. Usuário Nokia desde 1999 e expert em Mobile Payment.