quinta-feira , 19 setembro 2019

Façam cara feia ou torçam o nariz, mas o Symbian continua sendo a plataforma mobile mais utilizada no mundo

Surpresos? Eu não...

Os dados acima são do StatCounter que monitora o tráfego mobile no mundo.

Pontos de destaque do quadro acima:

  • O anúncio da parceria Nokia e Microsoft em fevereiro não parece ter tido efeito algum sobre as vendas dos smartphones com Symbian;
  • De uma forma geral a base Symbian se mostrou estável em todo o ano de 2011, exceto por uma leve queda em Outubro recuperada no mês seguinte;
  • Chama a atenção a queda acentuada que o iPhone teve até o meio do ano (chegando a ficar atrás do Android), com uma recuperação a partir de Outubro, impulsionada pelo lançamento do iPhone 4S;
  • O Android teve um crescimento fantástico, mas ficou estagnado no último trimestre;
  • Blackberry está em queda livre e o cenário pra 2012 é mais pessimista ainda. O melhor cenário para a RIM parece realmente ser adquirida por outra empresa (até há um rumor nesse sentido apontando Nokia e Microsoft como possíveis compradores);

É importante frisar que esses números não representam aparelhos vendidos e sim base ativa na internet, ou seja, estamos falando do tráfego de dados gerado através de aparelhos celulares.

A expectativa de vendas de smartphones com Symbian para 2012 ainda é alta devido aos recentes lançamentos: Nokia 500, 701 e o próprio N8 que teve seu preço reduzido em todo o mundo.

Ainda especula-se que novos smartphones poderosos surgirão no mercado rodando Symbian. Há até quem fale que o sucessor do N8 continuará no mundo Symbian.

É verdade que o Symbian vai morrer… UM DIA… até lá, haverá um mercado enorme e que é pouco explorado pelas empresas e desenvolvedores da América Latina. (Não vou nem mencionar o mercado americano, já que eles não enxergam nada que não seja Made in USA).

Quem investir nesse segmento (no curto e médio prazo), vai nadar sozinho nesse oceano que não tem concorrência.

About igorlt

Twitteiro compulsivo formado em Rádio & TV. Usuário Nokia desde 1999 e expert em Mobile Payment.